FALTAM R$ 199 PARA O FRETE GRÁTIS

Os aparelhos auditivos são dispositivos eletrônicos que auxiliam pessoas com perda auditiva parcial ou total. Hoje, eles são como minicomputadores que contam com uma super tecnologia. Por meio deles, acontece uma amplificação das ondas sonoras, permitindo que os sons possam ser ouvidos mesmo por quem sofre algum problema de surdez.

Apesar de evoluírem tecnologicamente a cada ano, os aparelhos auditivos foram criados já há algum tempo. No artigo de hoje apresentaremos um pouco sobre essa evolução, quais os tipos de aparelhos existem, os benefícios em utilizá-los e quais são as marcas líderes em tecnologia. Acompanhe!

Como aconteceu a evolução dos aparelhos auditivos

Os primeiros aparelhos desenvolvidos com o objetivo de melhorar a perda de audição datam do século XVII e eram feitos em forma de trombetas. No início do século XX uma importante tecnologia revolucionou os aparelhos: a invenção do transmissor de carbono, que permitiu a criação dos modelos elétricos.

Por volta de 1950 outra evolução marcou a história dos aparelhos auditivos: a criação dos transistores, que permitiu o acoplamento dos botões de ligar e desligar, diminuindo a necessidade de baterias e pilhas. Como consequência houve uma redução do tamanho dos aparelhos, deixando-os mais bonitos esteticamente.

Dez anos depois, o modelo retroauricular (BTE), utilizado até hoje, foi desenvolvido. A partir disso, diversas tecnologias têm contribuído para melhorar a qualidade de vida dos usuários de aparelhos auditivos.

No próximo tópico, falaremos dos principais tipos de aparelhos auditivos disponíveis.

Tipos de aparelhos auditivos

Atualmente, a tecnologia avança de forma rápida. Isso permite que os usuários de aparelhos auditivos possam ter, cada vez mais, uma ótima experiência. Os modelos mais modernos podem ser adequados ao estilo de vida e às necessidades de cada usuário. Além disso, eles possibilitam uma reprodução de som natural e nítida. Conheça alguns dos principais tipos de aparelhos:

Retroauricular (BTE)
Esse é um dos modelos mais utilizados devido à capacidade de funcionar para diferentes tipos de perdas auditivas, desde a leve até a profunda. Ele deve ser colocado atrás da orelha, transmitindo o som até próximo ao tímpano.

Receptor-no-canal (RIC)
Assim como o BTE, o RIC também serve para perdas auditivas leves e pesadas. Ele pode ser classificado como uma evolução do BTE, apresentando aparelhos menores e com diferentes potências, formas e cores.

Intracanal (ITC)
Indicado desde a perda auditiva leve, até a severa, o ITC permite o controle do volume e fica posicionado no canal auditivo, sendo levemente visível.

Microcanal (CIC)
O CIC é indicado para quem tem perda auditiva leve ou moderada. Ele fica encaixado no canal auditivo de um modo que quase não é possível enxergá-lo. Ele pode ser moldado conforme o tamanho da orelha, contudo, quem tem um canal auditivo estreito ou sofre com infecções recorrentes deve optar por outro modelo.

Intra-auricular (ITE)
O modelo ITE é feito sob medida e fica posicionado tapando toda a concha da orelha. Sua principal característica é a alta potência de amplificação de som. Ele pode ser utilizado por quem tem perda auditiva de leve a profunda.

Zumbido
Os aparelhos destinados a aliviar o zumbido possuem uma alta tecnologia capaz de reduzir os ruídos e aumentar a voz do interlocutor. Todos os aparelhos auditivos das marcas Signia e Windex contam com essa excelente funcionalidade, podendo ser ativada ou não pelo usuário.

Audição unilateral
Aquelas pessoas que apresentam perda auditiva unilateral podem optar por dispositivos que utilizam a tecnologia CROS que oferece uma melhor percepção dos sons.

Quais os benefícios dos aparelhos auditivos
Você já conhece a evolução dos aparelhos auditivos e os principais tipos disponíveis. Agora chegou o momento de entender os benefícios de poder contar com essa tecnologia. Confira a seguir algumas vantagens:
Melhora da qualidade de vida;
Aumento da convivência social e familiar;
Melhora das relações interpessoais;
Aumento da longevidade;
Menor probabilidade de desenvolver Alzheimer;
Diminuição da depressão e do estresse, etc.

Aparelhos líderes em tecnologia
Nosso último tópico é destinado a apresentar duas importantes marcas de aparelhos auditivos que são líderes em tecnologia e qualidade: a Signia e a Widex.
Ambas oferecem produtos Premium, com uma excelente qualidade de som e diversas funcionalidades essenciais para o bem-estar. Alguns destaques que esses aparelhos possuem são:
Ajuste por botão ou controle remoto;
Conectividade com celulares e televisão;
Ligações telefônicas diretas no aparelho;
Sensor de movimento para melhor captação de som;
Diferenciação entre os ruídos e a voz do interlocutor;
Redução de sons desconfortáveis;
Melhora do zumbido, etc.

Depois de aprender sobre a evolução dos aparelhos auditivos, os tipos que existem, os benefícios que oferecem e as melhores marcas, você deve estar curioso para saber o preço dos aparelhos auditivos. Eles variam conforme a tecnologia utilizada e suas funcionalidades, sendo possível encontrar boas opções desde R$ 3.500 até R$ 15.000, podendo chegar a R$ 30.000 nos modelos mais sofisticados.

Aqui na Comunicare você encontra os melhores produtos, das marcas Windex e Signia e ainda pode testá-los. Ficou interessado? Então entre em contato e encontre o aparelho perfeito para você, que atenda todas as suas necessidades!

2 Comentários

  1. Aparecida Eiko Nozaki Rodrigues

    O meu problema é zumbido noturno

    Responder
    • Comunicare

      Bom dia! Tudo bem?
      Acreditamos que a melhor escolha para o seu caso seria a busca por um otorrinolaringologista para te auxiliar.

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

M

Onde você está?

Dessa forma você terá acesso aos produtos e serviços da sua região.

M

Localizando...

Unidade mais próxima

Agendar Teste Gratuito
M

Informe seus dados para iniciar seu atendimento.