FALTAM R$ 199 PARA O FRETE GRÁTIS

É comum as pessoas lerem ou ouvirem os médicos falando que o uso de cotonete não é indicado para limpar a parte interna do ouvido. Essa recomendação está correta e visa proteger o canal auditivo e evitar lesões como perfurações. Apesar da indicação, usar cotonete diariamente é um hábito amplamente cultivado.
Se você também costuma usar hastes flexíveis no ouvido com frequência, esse post é para você. Nele mostraremos os motivos pelos quais essa ação não é indicada e como limpar o ouvido e manter a higiene do local sem prejudicá-lo. Acompanhe!

Quais os perigos de usar o cotonete dentro do ouvido?
O cotonete é comumente utilizado para retirar o acúmulo de cera no ouvido. Entretanto, essa substância produzida pelas glândulas presentes na região é importante para o bom funcionamento do sistema auditivo.

Ela age como uma barreira, formando uma proteção natural do corpo contra possíveis microrganismos invasores, como fungos e bactérias. Além disso, a cera também lubrifica e limpa o ouvido.
Apesar de ela ser fundamental, grande parte das pessoas a retira de forma equivocada ao fazer a limpeza do ouvido com o cotonete. Além de deixar o canal auditivo sem a proteção necessária e com risco de infecções, essa ação também pode perfurar o tímpano, aumentar o acúmulo de cera na região, causar zumbido, coceira, otites, dores, etc.

Outro perigo de utilizar o cotonete internamente é “empurrar” a cera para dentro do ouvido, levando a uma obstrução que precisará de consulta médica para ser removida corretamente. Há ainda o grande risco de se ter lesões auditivas permanentes.

Como limpar o ouvido de maneira correta?
Se você entendeu o papel importante que a cera tem para o sistema auditivo, pode estar pensando como deve proceder para limpar o ouvido de uma forma mais segura, sem introduzir as hastes flexíveis na parte interna.
A primeira informação que você deve saber sobre a higiene dos ouvidos é que ela não precisa ser feita com frequência, uma vez que a cera é saudável para o organismo.
Para evitar que os problemas citados anteriormente aconteçam ou que ainda ocorra uma lesão que leve a perda auditiva, o ideal é sempre fazer a higiene dos ouvidos após o banho e de uma forma não invasiva. Para tanto, utilize a ponta de uma toalha macia para secar a parte de fora da orelha. Além de prevenir problemas como a otite, a prática também mantém o local limpo.

Cera no ouvido em excesso
Aqueles que produzem cera em excesso, podem realizar a limpeza do ouvido de uma forma segura, introduzindo o cotonete apenas na parte externa da orelha. Dessa forma o canal auditivo fica protegido.

Nos casos em que a cera acumulada tende a ser mais espessa e de difícil remoção, o mais indicado é procurar a ajuda de um médico otorrinolaringologista. Ele pode fazer a limpeza da região de forma segura, desmanchando o cerume formado, mas sem deixar o canal auditivo sem a devida proteção.

O ouvido é uma parte delicada do corpo humano. Ele precisa ser tratado com cuidado, pois diversas situações evitáveis podem levar a perda auditiva temporária ou até mesmo permanente. Portanto, se você utiliza o cotonete diariamente, seja com o intuito de limpar, secar ou até mesmo coçar o ouvido, mude os hábitos e cuide da sua saúde!

Gostou de aprender como fazer a limpeza do ouvido de forma correta? Separamos mais um post interessante para você: Os 5 mitos e verdades da dor de ouvido. Confira!

2 Comentários

  1. Marcia da Silva Duarte

    Gostaria de agendar uma consulta gratuita pra minha mãe

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

M

Onde você está?

Dessa forma você terá acesso aos produtos e serviços da sua região.

M

Localizando...

Unidade mais próxima

Agendar Teste Gratuito
M

Informe seus dados para iniciar seu atendimento.