FALTAM R$ 199 PARA O FRETE GRÁTIS
surdez súbita

surdez súbita é a perda repentina da audição ou a piora abrupta de uma alteração auditiva preexistente. A sua ocorrência é maior em pessoas com mais de 40 anos e pode acontecer em apenas um dos ouvidos ou em ambos.

Geralmente, há uma recuperação espontânea em 15 dias. Entretanto, as probabilidades de melhora são menores para pacientes que apresentam uma perda de audição severa acompanhada de vertigem. A idade também é um fator preponderante — quanto mais jovem, maior a possibilidade de uma recuperação completa.

Neste artigo, comentamos sobre os principais sintomas da perda súbita da audição, bem como sobre as suas causas e os tratamentos adotados. Continue lendo para saber mais!

Sintomas da surdez súbita

Os sintomas podem ser diferentes e dependem das causas da surdez súbita. Em geral, ela é percebida por uma redução na audição, por vertigens (falsas sensações de movimentos) e zumbidos, além de uma sensação de pressão nos ouvidos, como se eles estivessem obstruídos.

Em média, 70% dos casos apresentam, como principais sintomas, os zumbidos que podem persistir por um longo período, e 30%, as vertigens, que geralmente reduzem com o tempo.

Causas da perda súbita da audição

surdez súbita pode ser provocada por diversos fatores, como doenças, medicamentos, infecções, inflamações, atividades físicas intensas e mudanças de pressão.

Veja, a seguir, o detalhamento das principais causas dessa alteração!

Doenças

A alteração na audição pode acontecer na presença de doenças virais, como gripes, caxumba, parotidite, sarampo, mononucleose, entre outras. Ela também pode ser provocada por doenças autoimunes ou infecciosas, como a sífilis ou a doença de Lyme, que correspondem, em média, a 10 a 15% dos casos.

Além dessas causas, a perda auditiva súbita pode advir de um tumor no nervo auditivo (neuroma acústico), esclerose múltipla, doença de Ménière, ou, ainda, por um pequeno derrame no centro de equilíbrio do cérebro (cerebelo).

Medicamentos

Alguns tipos de medicamentos podem ser ototóxicos, ou seja, apresentarem efeitos colaterais que induzem às lesões nos ouvidos, especialmente quando há superdosagem.

Os fármacos com maior potencial para essas reações incluem:

  • antibióticos — amicacina, canamicina, estreptomicina, tobramicina, gentamicina, neomicina e vancomicina;
  • anti-inflamatórios — Diclofenaco, Etodolaco, Fenoprofen, Ibuprofeno, Indometacina, Naproxeno, Piroxicam e Inflamene;
  • quimioterápicos — cisplatina;
  • diuréticos — furosemida, ácido etacrínico, bumetanida e torasemida;
  • remédios para dor e febre — aspirina.

É importante observar que a toxicidade dos medicamentos se relaciona diretamente com a dose e o período de uso. Dessa forma, o dano auditivo pode ser temporário, porém, quando há um uso contínuo do remédio, há uma perda permanente da audição pelo acúmulo da droga no organismo.

Infecções

Várias infecções, como a meningite bacteriana, a doença de Lyme (bactéria transmitida pela picada de carrapato) e as virais (caxumba e encefalite por herpes simples), causam a perda auditiva súbita, imediatamente ou durante a doença.

Atividades físicas intensas

As atividades físicas, como o levantamento de pesos e o mergulho, podem provocar uma fístula (buraco) entre o ouvido médio e o interno. Em alguns casos, essa alteração é congênita, podendo tornar a pessoa mais suscetível à perda súbita da audição quando ocorre lesão na cabeça ou em situações de mudanças de pressão.

Tratamento

Aos primeiros sinais de surdez súbita, é fundamental a consulta urgente com um otorrinolaringologista, tendo em vista que, após 48 horas do início dos sintomas, as probabilidades de reversão ficam reduzidas.

O tipo de tratamento depende das causas, mas, em geral, são realizados exames clínicos e de audiometria. Em alguns casos, são prescritos medicamentos para inflamações ou infecções.

Para os casos mais severos, quando a medicação não consegue melhorar ou reverter o quadro, é indicado o uso de aparelhos auditivos que restauram parte da audição.

Como verificamos, a surdez súbita é uma redução repentina da audição que pode ser causada por diferentes fatores e apresentar uma melhora espontânea ou ser persistente. Nesse sentido, ao perceber qualquer alteração na audição, é de fundamental importância buscar a ajuda de um otorrinolaringologista para um correto diagnóstico e um tratamento.

Agora que você já sabe o que é surdez súbita, leia também o artigo que explica sobre os principais direitos e benefícios do deficiente auditivo para saber como garantir uma melhor qualidade de vida.

 

24 Comentários

  1. antonio

    Fraco post.

    Responder
    • Comunicare

      Prezado Sr. Antonio, boa noite! Tudo bem com o senhor? Esperamos que sim!

      O senhor alguma dúvida específica que o senhor não encontrou no post e que possamos lhe ajudar?

      Ficamos à disposição.
      Atenciosamente, equipe Comunicare

      Responder
  2. Marlon Muniz

    Ola Boa noite!! Trabalhei muitos anos
    Na construção civil tenho muita dor de cabeça e zonsura e não escuto nada do ouvido direito já tem 2 anos que sai da empresa onde trabalhei por 10 anos não sei como falar pra minha esposa sobre isso pois tenho muita vergonha mas isso nos faz brigamos muito pois ela fala que não presto atenção no que ela fala pois na verdade muitas das vezes eu simplesmente não escuto o que eu posso tá fazendo a respeito obrigado

    Responder
    • Comunicare

      Prezado Sr. Marlon, boa noite! Tudo bem com o senhor?
      Obrigado pelo envio da sua mensagem.

      Aqui na Comunicare, valorizamos a adaptação 100% do cliente, e por isso, todo paciente realiza uma avaliação gratuita com um de nossos fonoaudiólogos, que irá avaliar o problema auditivo para poder orientar sobre qual a melhor tecnologia entre os nossos dispositivos é a mais adequado ao paciente. Além de um teste sem compromisso que o senhor poderá fazer no conforto e segurança de sua casa.
      A sua reabilitação auditiva, Sr. Marlon, irá lhe proporcionar uma melhor qualidade de vida. Não deixe de nos contatar.

      O atendimento nesse período de pandemia nas regiões onde ainda não foi possível reabrir nossas Unidades são realizados através de Telconsulta, e o senhor assim, poderá sanar suas dúvidas e obter esclarecimentos sobre o processo de adaptação dos aparelhos auditivos.

      O senhor pode preencher o formulário e nós entramos em contato com você, basta acessar: bit.ly/atendimento-distancia
      Ou converse com a nossa equipe de atendimento, clique no botão do WhatsApp no canto direito da tela e fale direto com nossa central de Atendimento para agendar o seu teste.

      Será um prazer atendê-lo, Sr. Marlon.
      Atte. equipe Comunicare

      Responder
  3. Jones de Souza Santos

    Ola boa tarde …..me chamo Jones de Souza…tem mais um menos 3 dias que tenho uma sensação de dormência do lado esquerdo da cabeça e a audição do mesmo lado diminuio bastante …porem o zumbido é bem fraquinho ….o que pode ser ?
    Gtato boa tarde

    Responder
    • Comunicare

      Prezado Sr. Jones, boa noite! Tudo bem com você? Esperamos que sim.
      Obrigado pelo envio da sua mensagem.

      A Comunicare Aparelhos Auditivos realiza a reabilitação auditiva e, somos Referência no Tratamento do Zumbido. Primeiramente é necessário ser feita uma avaliação auditiva, para identificar as questões da perda da audição e o zumbido relatado.

      Converse com a nossa equipe de atendimento, Sr. Jones sem precisar sair do conforto e segurança da sua casa e, assim esclarecer suas dúvidas relacionadas à audição e zumbido, basta clicar no botão do WhatsApp no canto direito da tela e solicitar o seu atendimento.

      Ficamos à disposição, Sr. Jones.
      Atte. equipe Comunicare

      Responder
  4. Ana Sereno

    Boa tarde!
    No dia 08/08/2020 A noite comecei com um zumbido a noite e na madruga comecei com uma crise e perdi totalmente a audição no ouvido direto até então diagnosticada como labirintite.
    Fui ao otorrino e disse q perdi minha audição, estou medicada com labirin 24mg e só.
    O q posso fazer para descobrir exatamente o q tenho, se tem tratamento, pois o médico só me passou isso. Continuo com um pouco de vertigem, sou Tec.enfermagem e trabalho como home care por conta própria, o q posso fazer.
    Tenho 44anos e estou assustada e com medo de perder o outro lado tbm.
    Desde já agradeço.

    Responder
    • Comunicare

      Prezada Sra. Ana. Obrigado pelo seu contato.

      O recomendável é ser feita uma avaliação auditiva para a prescrição de um diagnóstico mais preciso sobre o seu caso. Aqui na Comunicare, somos Centro de Referência no Tratamento do Zumbido e em reabilitação auditiva de excelência. Converse com a nossa equipe de atendimento e solicite a sua avaliação com um de nossos fonoaudiólogos. Essa avaliação é gratuita.

      Você pode entrar em contato conosco ligando gratuitamente: 0800.001.4050

      Ou também, preenchendo o formulário de contato no nosso site, desta forma, a nossa equipe entra em contato com o senhor. Acesse: queroouvirbem.com.br/contato

      Vamos aguardar o seu contato.
      Atenciosamente, equipe Comunicare

      Responder
    • Antonio Ricardo

      Sra. Ana Sereno,

      Aconteceu exatamente isso comigo no dia 18/8/20.
      Fui a uma clinica especializada em Otorrinolaringologia e me prescreveram corticoides e antiviral . E para tentar suportar o zumbido, ansiolíticos. Prescreveram vários exames de imagem(ressonância do crânio, tomografia da face e dos mastóides) além de exames de sangue de sorologias para vários virus, cujos resultados demoraram um pouco. Enfim a unica coisa que apresentou algo que pode ter relação com a perda auditiva, segundo o otorrino, foi o IGm alto para o Vírus da Herpes simples. O Próprio laboratório colocou uma observação para repetir o exame após 15 dias para saber se já adquiri anticorpos. Detalhe :tenho 57 anos e nunca tive manifestação de herpes no meu corpo. Essa perda auditiva com zumbido veio também acompanhada de constantes entupimentos nasais. Já fiz duas audiometrias e na segunda , semana passada, houve uma pequena melhora da audição, O zumbido continua , porém um pouco mais fraco. É sem dúvida uma situação muito difícil. Só quem passa sabe. Mexe demais com o lado emocional. Sou católico, tenho me apegado muito na religião . Creio que Jesus Cristo e Santo Expedito têm me ajudado bastante!
      Espero ter ajudado um pouco com a minha experiência.

      Antonio

      Responder
      • Comunicare

        Prezado Sr. Antonio, boa noite! Tudo bem com você?

        Muito obrigado por dividir conosco o seu relato. É de fundamental importância procurar a ajuda de um médico especialista para a realização de exames e iniciar o tratamento indicado o quanto antes. Que bom que o senhor já está fazendo isso. E que tão logo o seu tratamento possa lhe entregar bons resultados.

        Aqui na Comunicare, nossos fonoaudiólogo são focados em reabilitação auditiva de excelência, somos referência no tratamento do zumbido, caso o senhor queria conversar com a nossa equipe para saber mais e esclarecer dúvidas relacionadas ao zumbido e audição, você pode entrar em contato pelo nosso site (link abaixo) ou também pelo nosso atendimento telefônico.
        https://comunicareaparelhosauditivos.com/contato

        Ligue gratuitamente: 0800.001.4050
        De segunda a sexta-feira, das 08h30 às 19h.

        Ficamos à disposição, senhor Antonio.
        Atte. equipe Comunicare

        Responder
    • Ana Flavia

      Passei exatamente pela mesma situação. Dia 13/08, sem nenhum aviso ou sintoma, meu ouvido direito deu um apito, e parei de ouvir. Apenas um zumbido. O diagnóstico: surdez súbita. Tenho a sua idade. Sei como está se sentindo! Estou indo em especialistas de várias áreas agora pra ver o que pode estar errado com minha saude geral que justifique o ocorrido. Se quiser conversas sobre me mande um email [email protected]

      Responder
      • Comunicare

        Prezada Sra. Ana Flávia. Obrigado por seu contato.

        Agradecemos por dividir conosco e com a Sra. Ana Sereno o seu caso. E que bom que você já está indo a médicos especialistas para identificar as possíveis causas e assim receber o tratamento indicado para você. Lembramos que é de fundamental importância buscar a ajuda de um otorrinolaringologista para um correto diagnóstico e tratamento.

        Ficamos à disposição.
        Atte. equipe Comunicare

        Responder
  5. Tiago

    É possível uma surdez unilateral sem nenhum motivo? Sem nenhuma causa? Literalmente “do nada”?
    Um dia acordei sem audição do lado esquerdo(+-8 anos atrás), fiz diversos exames como ressonância e tomografia e nada foi detectado. Isso pode acontecer? Ainda existe possibilidade de reversão?

    Responder
    • Comunicare

      Prezado Sr. Tiago. Obrigado pelo seu contato.

      Através de exames clínicos é possível entender mais de perto cada caso. Agende uma consulta com a nossa equipe de atendimento e converse com um de nossos fonoaudiólogos experientes e focados em reabilitação auditiva de excelência. Esse atendimento é gratuito, e através dele você poderá sanar suas dúvidas.

      Nesse primeiro momento, podemos agendar uma consulta remota, 100% à distância, sem você precisar sair do conforto e segurança da sua casa.
      Você pode entrar em contato conosco aqui pelo nosso site (link abaixo) ou também pelo nosso atendimento telefônico.
      https://comunicareaparelhosauditivos.com/contato

      Ligue gratuitamente: 0800.001.4050
      De segunda a sexta-feira, das 08h30 às 19h.

      Vamos aguardar o seu contato.
      Atte. equipe Comunicare

      Responder
  6. Jane Franco Oliveira

    Perdi a audição do lado direito em decorrência do vírus da caxumba que lesionou o nervo auditivo. Só descobrimos quando adolescente, pois a a perda ocorreu quando ainda era muito pequena. Segundo os exames/otorrinos/fonoaudiólogos, a audição do lado esquerdo em nada foi afetada, inclusive desenvolvendo a compensação da audição do lado perdido. Infelizmente não me deram nenhuma possibilidade de cura/tratamento ou uso de aparelho, afirmando que apenas devo cuidar para não perder o lado que está ok. Não tenho dificuldades motoras, salvo o de conhecimento de todos, brincadeiras de que sou mais dispersa ou aérea, constantes dores de cabeça que atribuo ao uso excessivo do lado esquerdo, e dificuldade/confusão de alguns sons, dependo do local ou do lado que esteja o meu ouvido bom (brinco que é bionico). Minha duvida está em relação a CNH, que estou renovando “categoria AC”, inclusive essa condicionada como exigência a meu cargo no serviço publico, alem da possibilidade isenção de impostos e do beneficio da aposentadoria especial, em decorrencia da surdez unilateral, há alguma modificação de que devo proceder, tipo cadastro em algum órgão, ou cnh com alguma observação da surdez unilateral, ou outro?? Poderiam me auxiliar?

    Responder
    • Comunicare

      Prezada Sra. Jane, boa tarde! Tudo bem com você?
      Obrigado pelo seu contato.

      Essas orientações relacionadas ao seu questionamento, você precisa verificar junto aos órgãos responsáveis: CNH no Detram; e aposentadoria no INSS, para assim se certificar do funcionamento das regras de cada um e o que é necessário para estes cadastros.

      A Comunicare Aparelhos Auditivos é Centro de Referência no Tratamento do Zumbido e em reabilitação auditiva de excelência, caso você precise de um atendimento com um de nossos fonoaudiólogos para realizar uma avaliação auditiva, você pode entrar em contato conosco pelo link abaixo ou também pelo nosso atendimento telefônico.
      https://comunicareaparelhosauditivos.com/contato

      Ligue gratuitamente: 0800.001.4050
      De segunda a sexta-feira, das 08h30 às 19h

      Ficamos à disposição.
      Atte. equipe Comunicare

      Responder
  7. Gloria Wowczyk

    Boa tarde.
    Em 2004 com 44 anos de idade, comecei com tonturas e sinais muito semelhantes à labirintite. Isso foi em torno das 11h da manhã. Às 17h, como só piorava, fui levada ao hospital São Vicente da Gávea (RJ) aonde me fizeram toda a sorte de exames, incluindo Ressonância Magnética.
    Após algumas horas foi-me dada alta, e combinado que caso eu estivesse ainda me sentindo mal no dia seguinte, retornasse ao hospital.
    Acontece que no dia seguinte ao acordar, eu já havia perdido minha audição do ouvido direito. Todos os esforços nas duas semanas seguintes com inúmeras audiometrias realizadas na Policlínica de Botafogo e enfim, o diagnóstico foi: surdez súbita, irreversível, sem uma explicação pela parte da medicina – tendo os médicos levantado e pesquisado todas as possibilidades imagináveis.
    Surdez súbita para quem tinha ouvido absoluto e nunca tocou piano precisando se quer, de partitura….Enfim.
    Hoje há um mês de completar meus 60 anos, decorridos 16 desde o acontecimento, comecei pela idade, a perder sons de alta frequência no ouvido esquerdo. Ontem realizei uma audiometria, por isso soube do resultado.
    Me foi testado um aparelho auditivo (pela1* vez na vida) no ouvido esquerdo, sob a alegação de que nada poderia ser feito para melhor minha capacidade auditiva no direito (aonde só capto os os baixos e não, os agudos) o que faz a compreensão da voz humana deste lado, praticamente impossível.
    Acontece que não me senti confortável com o parelho no esquerdo.
    O som, apesar de mais claro e refinado, me pareceu extremamente artificial, metalizado e me fez perder o som ambiente. Não era o que procurava.
    Procuro um upgrade para o ouvido que sofreu a surdez súbita. Nem que seja para apenas amplificar…não sei.
    Gostaria de uma orientação de algum tipo de aparelho auditivo que possa “melhorar” minha capacidade auditiva do ouvido direito…ainda que de forma modesta.
    Gratíssima desde já pela boa vontade ao lerem todo meu relato. E, no aguardo de um feedback de vocês.
    Detalhe importante: estou “presa” em solo norte americano por conta da pandemia. Portanto, não poderia me comunicar com vocês por ligação telefônica, mas sim, por WhatsApp ou zoom, ou mensagem de texto, etc.
    Em havendo a possibilidade de um aparelho que possa me ser de alguma forma útil, eu poderia efetuar a compra via meu cartão de crédito e solicitar a entrega nos USA?
    No aguardo,
    Cordialmente,
    Gloria

    Responder
    • Comunicare

      Prezada, Sra. Glória. Tudo bem com você? Esperamos que sim.
      Agradecemos o envio da sua mensagem.

      Visto que a senhora está no exterior, o recomendado é você entrar em contato com a nossa equipe de atendimento, através do nosso WhatsApp
      (11) 97137 5015 e solicitar um atendimento à distância, com um de nossos fonoaudiólogos para receber orientações sobre o seu caso e informações sobre o nosso processo de adaptação.

      Converse com a nossa equipe, Sra. Glória, envie sua solicitação de atendimento para o nosso Whats: (11) 97137 5015 e solicita o seu atendimento, ele é gratuito.

      Ficamos à disposição e esperamos conseguir lhe ajudar ainda que à distância.
      Vamos aguardar o seu contato.
      Atte. equipe Comunicare

      Responder
  8. Claudia Moraes

    Hj dia 01/11/20 acordei com um zumbido e uma surdez no ouvido esquerdo. Após umas 5 hs, deixei de sentir os sintomas. Como isso nunca havia acontecido, resolvi procurar informações na internet e verifiquei que uma infecção pode ter relação com os sintomas sentidos por mim. A noite, comecei com uma cistite mto forte. Fiquei na duvida se poderia ter alguma relação.

    Responder
    • Comunicare

      Prezada Sra. Claudia, boa tarde! Tudo bem com a senhora?
      Agradecemos pela sua mensagem.

      Orientamos a senhora a realizar uma avaliação auditiva e o fonoaudiólogo poderá então avaliar o seu caso.
      Também trabalhamos com médicos otorrinolaringologistas parceiros Comunicare, podemos indicar para a senhora.

      Cadastre-se: https://comunicareaparelhosauditivos.com/contato/
      Ao cadastrar-se, a nossa equipe de atendimento entrará em contato com você para agendar sua avaliação gratuita.

      Ou se preferir, ligue pelo 0800.001.4050 (De segunda a sexta-feira, das 08h30 às 19h).

      Ficamos à sua disposição.
      Atenciosamente, equipe Comunicare

      Responder
  9. Rodrigo

    Olá, estou com redução da audição no meu lado direito. No início achava que fosse a posição de dormir pq acordava desse jeito e depois voltava ao normal, porem já fazem três dias que não volta. Estou preocupado.

    Responder
    • Comunicare

      Prezado Sr. Rodrigo, boa tarde! Tudo bem com o senhor?
      Agradecemos pela sua mensagem.

      Indicamos que seja feita uma avaliação auditiva para que o fonoaudiólogo possa diagnosticar o seu caso.
      Convidamos o senhor a realizar uma avaliação auditiva gratuita em uma de nossas unidades de sua preferência. Cadastre-se através do: https://comunicareaparelhosauditivos.com/contato/ e a nossa equipe de atendimento entrará em contato com o senhor para agendar a sua avaliação auditiva gratuita.

      Ou se preferir, ligue no 0800.001.4050 (De segunda a sexta-feira, das 08h30 às 19h).

      Ficamos à sua disposição.
      Atenciosamente, equipe Comunicare

      Responder
  10. Rosi

    Boa tarde !
    Estou desesperada , tenho uma perca auditiva no ouvido direito moderada no ouvido esquerdo perda leve , acontece que os dois ouvidos tem perfuração , trabalho em Call Center a mais de 20 anos, pedi as contas de uma empresa aonde estava trabalhando a mais de 2 anos , pra ir pra outra , fui reprovada no exame de audiometria , agora pronto começou meu desespero estou perdida , pois a fonologa pediu pra eu fazer uma lavagem devido a excesso de cera nos ouvidos , e que eu retorna-se pra repetir o exame , fiz isso procurei um otorrinologista fiz uma limpeza com pinça , senti uma dor e percebi que tive pequeno sangramento , o médico pediu para que eu retorna-se outro dia pra fazer uma lavagem no ouvido esquerdo , voltei em uma segunda feira , fiz uma lavagem aonde quase morri de dor e ali percebi que meu ouvido piorou , até então eu estava ouvindo normalmente , depois da lavagem , piorou, devido a dor , não foi possível continuar com a lavagem , senti fortes dores , sai de lá e ele disse que aos poucos eu ia melhorar me receitou um remédio apliquei durante 3 dias 3 vezes , mas não vi melhora nenhuma , procurei outro especialista expliquei o ocorrido , ele olhou tirou o resto da cera que tinha ficado, e disse que tá tudo bem , mesmo assim estou com meu ouvidos tampados acontece que estou em desespero estou com os dois ouvidos limpos sem cera , mas contínuo com a sensação de ouvidos tampados não estou ouvindo direito , não sei mais o que fazer estou em prantos , desesperada porque tenho que trabalhar e não posso, não esculto fui em três especialista e os mesmo me disseram que eu ia ficar bem , tudo isso já fazem 8 dias que estou vivendo esse pesadelo e não vejo melhora .
    Alguém pode me ajudar 😭

    Responder
    • Comunicare

      Prezada Sra. Rosi, boa tarde! Tudo bem com a senhora?
      Agradecemos sua mensagem.

      É importantíssimo que a senhora faça um acompanhamento médico.
      Aqui na Comunicare, trabalhamos com médicos otorrinolaringologista parceiros, podemos indicar para a senhora.

      Cadastre-se: https://comunicareaparelhosauditivos.com/contato/
      Ao cadastrar-se, a nossa equipe de atendimento entrará em contato com a senhora.

      Ou se preferir, ligue pelo 0800.001.4050 (De segunda a sexta-feira, das 08h30 às 19h).

      Ficamos à sua disposição.
      Atenciosamente, equipe Comunicare

      Responder

Trackbacks/Pingbacks

  1. O que é surdez súbita e como acontece | Audio Global - […] Fonte: https://comunicareaparelhosauditivos.com/surdez-subita/ […]

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

M

Onde você está?

Dessa forma você terá acesso aos produtos e serviços da sua região.

M

Localizando...

Unidade mais próxima

M

Informe seus dados para iniciar seu atendimento.