Exame auditivo

O exame auditivo, também conhecido como audiometria, é um processo muito comum e que frequentemente é solicitado por otorrinos e fonoaudiólogos. Ele é bastante indicado para avaliar a saúde auditiva. Com o passar dos anos, em geral a nossa condição auditiva dá sinais de que necessita de cuidados. Por meio do exame, o profissional capacitado pode diagnosticar problemas e sugerir o tratamento mais adequado, como o uso dos aparelhos auditivos, por exemplo.

Se você precisa aumentar o volume da televisão com frequência ou está com dificuldade de entender as outras pessoas em ambientes ruidosos, você pode precisar de um exame auditivo para checar a sua audição. Confira neste artigo o que é, como funciona e quando é necessário realizar o procedimento.

Entenda o que é o exame auditivo

O exame auditivo tem como função a avaliação da audição. Apesar de ser requisitado quando o paciente se queixa de algum sintoma, ele também pode ser feito de forma preventiva.

Ao contrário do que se imagina, o procedimento não causa dor e nenhum grande desconforto. Ele é feito de duas formas diferentes: por meio de uma avaliação tonal ou vocal.

O resultado do exame auditivo indica o quanto a pessoa consegue identificar sons. Conforme os anos passam, essa função é diminuída, em conjunto com o envelhecimento do organismo, A partir disso, é comum que se tenha algum grau de perda de audição, mesmo que seja bem leve. A audiometria consegue identificar esse grau e, com o resultado, o médico pode pensar em um plano de ação para tratar a perda auditiva, como o uso de aparelhos auditivo.

Descubra como funciona

Exames auditivos

A primeira informação importante para entender o exame auditivo é saber que ele é realizado com a ajuda de um audiômetro. Esse aparelho diz respeito a uma unidade de hardware que contém um botão de feedback e entrada para fones de ouvido. Parece bem técnico, mas na prática o passo a passo do exame tonal é assim:

  1. O paciente entra em uma sala ou cabine acústica;
  2. Coloca o fone de ouvido, que deve ter um microfone acoplado;
  3. O examinador emite sons em diferentes frequências;
  4. Ao ouvir os sons emitidos o paciente responde conforme combinado com o avaliador.

É tão simples assim? Sim! Igualmente a esse processo, o exame auditivo vocal acontece no mesmo ambiente. Entretanto, o examinador dita uma sequência de palavras e o paciente precisa repeti-las.

Assim sendo, a principal diferença entre eles é que o exame tonal tem o objetivo de avaliar a percepção auditiva quando sons variados são propagados. O exame vocal, por sua vez, tem o intuito de avaliar o quanto o paciente consegue ouvir e compreender quando o som emitido é de uma voz humana.

Saiba quando é preciso realizar o exame auditivo

Exames auditivos

Não deixe de cuidar da sua saúde auditiva! Esteja atento ås situações que indicam a necessidade de se realizar o exame auditivo:

Perda de audição

Sempre que houver a suspeita de que a pessoa está com alguma dificuldade auditiva, é indicado que o exame seja realizado. Dessa forma, é possível observar se há mesmo algum problema e qual é o grau de comprometimento auditivo.

É importante lembrar que essa indicação vale para todas as idades. Crianças que têm dificuldades na escola, por exemplo, podem sofrer de perda de audição. Além disso, quem sofre com zumbido, tontura ou ouvido tampado também precisa ser avaliado.

Acidentes

Acidentes que causem danos para a parte superior do corpo, afetando a cabeça e o canal auditivo também precisam ser investigados. O intuito é descartar qualquer problema de audição

Infecção

Outra indicação de realização do exame auditivo é em caso de infecção no canal auditivo. Quando isso acontece, é necessário avaliar a capacidade auditiva do indivíduo.

Prevenção

A última indicação para a realização do exame auditivo é a prevenção. Fazer de forma rotineira o procedimento, a fim de identificar qualquer problema de forma antecipada aumenta as chances de, quando for possível, retardar o progresso ou até mesmo curar.

Estar atento à saúde auditiva é essencial para se ter uma boa qualidade de vida. O exame auditivo é um aliado nesse caso. Ele ajuda no diagnóstico quando há alguma falha de audição e serve como medida preventiva e tratamento para casos já existentes.

Por fim, se você ficou com qualquer dúvida a respeito do exame auditivo, ou se simplesmente tem vontade de compartilhar a sua história conosco, deixe um comentário no post para que possamos ajudar.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

M

Onde você está?

Dessa forma você terá acesso aos produtos e serviços da sua região.

M

Localizando...

Unidade mais próxima

Agendar Teste Gratuito