FALTAM R$ 199 PARA O FRETE GRÁTIS
comunicare-aparelhos-auditivos

Atualmente, o mercado já disponibiliza diversos modelos de aparelhos auditivos para atender às diferentes necessidades, proporcionando mais qualidade de vida a quem precisa desse tipo de suporte.

Neste artigo, vamos apresentar qual modelo de aparelho auditivo é indicado para cada tipo de necessidade auditiva, comentando sobre os principais aspectos que devem ser considerados na escolha e a importância do fonoaudiólogo para ajudar nesse momento.

Os modelos de aparelhos auditivos e os graus de perda da audição

Hoje em dia, os aparelhos auditivos estão cada vez menores, apresentam maior capacidade de conexão, são mais resistentes a água e poeira e contam com baterias de longa duração. Entretanto, a escolha dos aparelhos auditivos depende também do grau de deficiência auditiva, que pode ser:

  • leve — é possível interagir em conversas, mas há dificuldade para entender sons baixos, como cochichos ou em ambientes mais ruidosos;
  • moderada — há necessidade de aumentar o volume para assistir à televisão ou falar ao telefone;
  • severa — é impossível ouvir e compreender em uma conversa em tom habitual (60 dB), necessitando de um volume bem alto;
  • profunda — a audição se restringe apenas a ruídos muito intensos, como os de britadeira, buzina ou música, em volume máximo, que varia entre 110 e 130 dB.

Além do grau da perda auditiva, o modelo do aparelho também precisa ser adequado ao tamanho do canal auditivo do paciente e às suas necessidades individuais relacionadas ao estilo de vida, destreza manual, etc. Veja, a seguir, qual modelo de aparelho auditivo é indicado para cada tipo de necessidade auditiva.

Retroauricular (BTE)

Esse aparelho auditivo é um dos mais utilizados, pois conseguimos com ele todos os tipos de recursos e potência. Portanto, pode ser adaptado para a maioria das perdas auditivas. Ele fica posicionado atrás da orelha e transmite um som até próximo ao tímpano. Pode ser indicado para pessoas com perda auditiva leve a profunda.

Aparelho para zumbido

Esse tipo de aparelho foi especialmente projetado para aliviar o zumbido por meio de terapias e tem uma avançada tecnologia  que proporciona a redução do ruído, foco automático na conversa e elevação da voz do interlocutor.

Essa tecnologia reduz a reverberação do ambiente para que o paciente possa escutar com clareza e ficar confortável em locais com muitos ruídos, como em restaurantes, em eventos e na rua.

O dispositivo pode ser utilizado como ferramenta para a estimulação acústica, tanto no modo gerador de som, para pacientes com audiometria normal, quanto no misto, para pessoas com perda auditiva e zumbido.

Atualmente, todos os modelos de aparelhos auditivos, como os da Signia e Widex, oferecem alívio do zumbido por geradores de sons estáticos ou modulados, que podem ou não ser ativados, de acordo com as necessidades individuais.

Microcanal (CIC)

Esse modelo é indicado para as pessoas com perda auditiva de leve a moderada e que têm um canal auditivo mais largo. É um aparelho pequeno, elaborado em uma peça única, que se encaixa no canal auditivo, deixando uma pequena parte aparente.

Proporciona uma boa adaptação em relação ao tamanho, pois a cápsula pode ser moldada de acordo com as características anatômicas individuais da orelha dos pacientes. Entretanto, não é indicado aos pacientes com canal auditivo muito estreito ou que apresentem infecções recorrentes no ouvido.

Intracanal (ITC)

Nessa versão, o dispositivo é posicionado no canal auditivo, tem um controle de volume, é levemente visível e atende às necessidades para a perda auditiva leve, moderada ou severa.

Intra-auricular (ITE)

O modelo intra-auricular apresenta uma grande potência, sendo indicado para perdas auditivas  de leves a severas. Esse dispositivo é um pouco maior, confeccionado sob medida e formado por uma única cápsula que preenche toda a concha da orelha.

Ele é considerado, entre os modelos “intra”, o de maior potência de amplificação do som. O dispositivo pode incluir um botão para controle manual de volume e programação.

Também apresenta a vantagem de facilitar o encaixe na orelha, auxiliando os pacientes com habilidades manuais comprometidas, entretanto, é mais visível que os modelos microcanal (CIC) e intracanal (ITC).

Receptor no canal (RIC)

Indicado para perdas auditivas leves a severas, o receptor no canal é uma versão evoluída do modelo retroauricular — além de ser menor, também apresenta diferentes potências.

Ele é posicionado atrás da orelha e ligado aos receptores de sons (no canal do ouvido), por meio de um fio fino e transparente. Para esse modelo existem vários tamanhos de receptores e sondas, visando facilitar a sua adaptação em cada paciente.

A escolha do aparelho ideal

Antes de optar por um dos modelos disponíveis no mercado, é necessário levar em conta alguns aspectos para garantir uma adequação às necessidades individuais. Veja, a seguir, algumas das principais orientações nesse sentido!

Faça um exame de audiometria

exame de audiometria é imprescindível, pois ele ajuda a identificar se há  necessidade do uso de aparelho auditivo e caso haja, o exame ajuda em uma parte da seleção do tipo de aparelho mais adequado à perda da audição.

Ele também auxilia no diagnóstico e no prognóstico do paciente, podendo sugerir medidas preventivas para evitar o agravamento da deficiência, já que muitos fatores podem contribuir para o problema.

Avalie o seu estilo de vida

Para uma correta adequação, a escolha do modelo de aparelho deve considerar o estilo de vida do paciente. Nesse sentido, para uma pessoa que trabalha em um local com muito ruído, por exemplo, o ideal é optar por um aparelho que ofereça solução nessa condição, com filtros de ruídos de fundo e amplificação de sons selecionados como importantes (ex.: fala que vem da frente).

Teste o aparelho

Muitas empresas proporcionam um programa de teste gratuito para o paciente verificar a adequação do aparelho às suas necessidades auditivas nas atividades cotidianas e nos ambientes em que as dificuldade de ouvir costumam ocorrer.

Esse é mais um aspecto importante que deve ser considerado na escolha do aparelho, já que pode garantir uma perfeita adaptação.

Priorize o conforto

Os diferentes aparelhos auditivos oferecem funções e especificações que devem ser consideradas na hora da escolha. Nesse sentido, o paciente deve optar pelo modelo que proporcione maior conforto auditivo, adequação à anatomia da orelha e solução das necessidades auditivas de seu cotidiano.

Considere as suas preferências

Além das funções básicas, os modelos de aparelhos auditivos mais modernos apresentam tecnologias com diferentes funcionalidades. Dessa forma, é possível definir as preferências para a escolha do dispositivo, considerando opções, como:

  • controles por aplicativos;
  • gerador de sons para aliviar o zumbido;
  • microfones direcionais — auxiliam no foco para a conversação em ambientes ruidosos;
  • proteção contra a umidade, poeira e a oxidação;
  • sensor de movimento — permite que os sons sejam ouvidos com clareza mesmo quando a pessoa está se movimentando;
  • tecnologia wireless — mantém o equilíbrio do som entre os dois aparelhos auditivos, ou seja, em ambos os lados;
  • transmissão direta de sons da TV, músicas e ligações telefônicas para o aparelho.

A importância da ajuda de um (a) fonoaudiólogo (a) na escolha do aparelho

Para que o aparelho auditivo cumpra a sua função com o máximo de eficiência e conforto, é fundamental que a escolha do modelo, potência e tecnologia seja auxiliada por um (a) fonoaudiólogo (a), com base na avaliação de exames, características individuais e no estilo de vida do paciente.

Além disso, o (a) fonoaudiólogo (a) também é responsável pelo período de adaptação, fazendo regulagens nos aparelhos até que o dispositivo fique totalmente adequado à reabilitação auditiva do paciente.

Há diferentes modelos de aparelhos auditivos para atender às diversas necessidades individuais dos pacientes. Nesse sentido, para escolher um dispositivo ideal, é fundamental contar com a ajuda de um (a) fonoaudiólogo (a), que é o (a) profissional especializado (a) para fazer indicações corretas com base em exames e avaliação.

As informações deste artigo foram úteis para conhecer os principais modelos de aparelhos auditivos para cada caso? Para mais detalhes sobre os dispositivos e o suporte profissional, entre em contato conosco!

8 Comentários

  1. Elizete de Alencar

    Já temos os exames de Avaliação Audiológica da minha esposa , Queria o valor do aparelho , para avaliar as possibilidades.

    Responder
    • Comunicare

      Prezados, boa noite! Tudo bem com vocês?
      Obrigado pelo envio da mensagem.

      Conversem com a nossa equipe de fonoaudiólogos para saber entre as tecnologias dos nossos dispositivos qual é a mais indicada para o caso da paciente e receber informações sobre os valores e mais o que vocês precisarem de orientação.

      Esse primeiro atendimento poderá ser realizado sem vocês precisarem sair de casa, basta clicar no botão do WhatsApp no canto direito da tela e solicitar o atendimento. Ele é gratuito.

      Se preferirem podem preencher o nosso formulário e nós entramos em contato com vocês, basta acessar: bit.ly/atendimento-distancia

      Ficamos à disposição.
      Atenciosamente, equipe Comunicare

      Responder
  2. Angelina Maria Tavella

    Olá, preciso ter um orçamento de aparelho auditivo, fiz exames já faz 2 anos, tenho perda auditiva e zumbidos. Na época por problemas financeiros não adquiri o aparelho que testei e o zumbidos não diminuiu, então não me esforcei para compra-lo. Na época a minha prioridade foi a cirurgia nos olhos. Obigada.

    Responder
  3. Wilma

    Uso um aparelho da marca Oticom mas sinto que ele não está atendendo as minhas necessidades auditivas.Gostaria de manter um contato com vcs.

    Responder
  4. Marli Marin

    Vocês trabalham na região de Maringá Paraná?

    Responder
    • Comunicare

      Boa tarde! Tudo bem?
      Sim! Seguem os dados da unidade:

      Maringá
      Rua Néo Alves Martins, 2939
      CEP: 87013-060
      Bairro Centro
      (44) 3354.5212

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

M

Onde você está?

Dessa forma você terá acesso aos produtos e serviços da sua região.

M

Localizando...

Unidade mais próxima

Agendar Teste Gratuito
M

Informe seus dados para iniciar seu atendimento.